Mais Obras

terça-feira, 20 de setembro de 2016
Obras de implantação da Estação de Tratamento de Esgoto - ETE do Anil seguem avançando. Quando concluída, ela será o segundo grande equipamento construído pela Companhia de Saneamento Ambiental do Maranhão (Caema) e entregue pelo Governo do Estado para integrar o Sistema de Esgotamento Sanitário proposto para São Luís, visando atingir até o ano de 2018, 70% de esgoto tratado na capital.

Assim como a ETE Vinhais, que desde que foi posta em operação no mês de agosto já contribuiu para melhorias nos índices de balneabilidade das praias, a construção da ETE Anil depende de uma série de variáveis e ações para que se possa destinar e tratar o esgoto de forma correta, ajudando a aumentar ainda mais o índice de esgoto tratado em São Luís, que cresce progressivamente para 40% com a entrega da ETE Vinhais.

O maior volume de obras de implantação de elevatórias e tubulações que irão destinar o esgoto dos bairros localizados na margem esquerda do Rio Anil, até a ETE pode ser notado nas imediações do bairro da Alemanha e da Ponte do Caratatiua. De acordo com a direção da Companhia, este conjunto de obras representa um investimento de mais R$ 25,5 milhões.

“As obras compreendem, além da construção da estação para receber e tratar efluentes, a construção de 11 estações elevatórias de esgoto (quatro com obras já em andamento), implantação de mais de 4km de rede para interceptores e 962 novas interligações prediais, ao longo de mais quase 3km de redes coletoras a serem implantadas para destinação correta dos efluentes até a ETE”, explica o presidente da Caema, Davi Telles.

Quando finalizada, a ETE Anil beneficiará diretamente cerca 56 mil moradores localizados em quase 20 bairros da capital, traduzindo em benefício direto a aproximadamente 16 mil domicílios localizados em bairros como o Anil, Liberdade, Camboa, Fé em Deus, Ivar Saldanha, Apedouro, Santa Cruz, Vera Cruz, Racional, Vila Palmeira, Barreto, Alemanha, Caratatiua, Monte Castelo, Veneza e Jordoa.

A configuração técnica da ETE Anil vai permitir o tratamento de cerca de 100 litros de esgoto por segundo, através do chamado método UASB, mesma tecnologia utilizada pela ETE Vinhais. De acordo com o presidente da Caema, a importância deste equipamento não se reduz apenas aos bairros que serão atendidos. Ele salienta que, de forma indireta, a operação da ETE vai beneficiar toda população da capital.

“A operação de mais esta ETE, o que deverá ocorrer em breve, vai incidir positivamente nos índices de esgoto tratado da capital, que era de 4%. Por consequência, nós teremos amplificados os avanços que já conseguimos destinar à qualidade de vida da população em diversos setores e aspectos. Mudanças palpáveis e facilmente perceptíveis, como a questão da liberação das praias, mantendo a média de mais de 60% delas aptas para prática de banhos e esportes náuticos”, finaliza Davi Telles. 

0 comentários:

Postar um comentário

Pousada Buriti

Pousada Buriti
Barreirinhas- Maranhão

Rádio Timbira

Yes

Posseidon Hotel Ltda

Feirinha São Luís

DUVEL

DUVEL
CALHAU AV. DOS HOLANDESES, QUADRA 29, Nº08, RETORNO DO CALHAU - CALHAU TELEFONE: (98) 2108-3000

Colégio Batista

Colégio Batista