CAMPANHA: IPTU 2018

quarta-feira, 12 de abril de 2017
Uma selfie aqui, uma pose ali e muitos flashes. A requalificação de espaços públicos deu aos maranhenses novos cenários fotográficos. Lugares como o novo Cais de São José do Ribamar, o Complexo da Lagoa da Jansen e o Espigão Costeiro da Ponta d’Areia já se tornaram cartões-postais. Os espaços passaram por obras de revitalização e construção realizadas pelo Governo do Maranhão, desde 2015. 

“Esse novo espaço ficou interessante e renovou a área turística de Ribamar, dando mais um brilho para o município. Ficou tudo muito bonito e seguro, por isso estamos registrando diversos momentos que vão ficar guardados em imagens”, disse o capitão do Corpo de Bombeiros Fabiano dos Santos Almeida, que saiu de São Luís com a namorada, a terapeuta ocupacional Mariana Barros Aranha, para conhecer o Cais de Ribamar.

O autônomo Junior Oliveira, morador da Cidade Operária, levou os avós que moram em Zé Doca, a esposa e os filhos - de 1 ano e de dez meses – para conhecer o cais de Ribamar.  Com o caçula no braço, ele aproveitou para registrar o momento diante da placa que leva o nome da cidade. “O ambiente é muito bom para trazer a família. Vi essa oportunidade de fazer um passeio com todos, sem exceção. Amanhã mesmo já revelo a foto para que meus avós levem de lembrança do passeio da nossa família em São José de Ribamar’, afirmou Oliveira.

Para que turistas e moradores pudessem aproveitar o novo cartão postal, o Governo do Maranhão investiu R$ 1,9 milhão por meio da Empresa Maranhense de Administração Portuária (Emap), o que deixou o espaço mais atrativo e seguro. “Tenho muito orgulho. Isso aqui era abandonado e só servia para ocupação de vândalos. O investimento na cidade valeu a pena, pois comprova tudo que está passando na propaganda, por isso saímos de tão longe para vir prestigiar”, disse a moradora de São Luís, Vanda Tereza Ferreira. 

Frequentando o mesmo espaço, o mecânico Mauro Almeida de Sousa, morador do Maiobão, foi contemplar o visual e aproveitou para arriscar na profissão de pescador e garantir uma renda extra: “Agora Ribamar tem uma área que concentra e atende diversos públicos, desde a criança, passando pelo jovem e os idosos. Além do visual, temos ainda o espaço para pescar”. 

Do outro lado do cais, o autônomo Breno Luís dos Santos Ferreira, morador de Ribamar, aproveitava o mar para se refrescar e registrar o momento do pôr do sol. Orgulhoso com a nova estrutura, o ribamarense contou que havia muitas expectativas por parte dos moradores: “O polo ficou muito bonito, pois para uma cidade turística, que é São José de Ribamar, isso foi um ganho. Tenho muito orgulho de dizer que sou daqui e que a obra vem devolvendo a movimentação turística em minha cidade, trazendo até mesmo mais renda para os moradores”.

A obra levou ao povo ribamarense oportunidade de emprego e a expansão do turismo, além de melhorias na qualidade de vida dos moradores, por meio da implantação de uma central de ginástica, no eixo do cais.

O cais integra diversos outros pontos, como a pista de corrida onde Carlos Adriano Ferreira do Vale corre diariamente três quilômetros por dia. “Além de um visual lindo para gente, a estrutura ampliou o espaço urbano para a população. Eu mesmo gostei muito, pois eu aumentei o meu percurso da corrida que faço todos os dias no fim da tarde. Nos finais de semana eu aproveito para passear, mas durante a semana eu foco o lugar para treino“, afirmou. 

A requalificação do Cais de Ribamar era uma antiga demanda da população do município, atendida pela gestão Flávio Dino, que contemplou a comunidade com a construção do cais com 4.660 metros quadrados de área. A obra gerou melhorias no entorno, como ponte e píer, incluindo restauração da iluminação, pavimentação e recuperação estrutural e construção de uma área de passeio público com praça, arborização e ciclovias.

Mudanças na Lagoa
Ainda na região metropolitana, no complexo da Lagoa da Jansen, em São Luís, o Governo vem fazendo a mesma linha de investimento e de resgate dos espaços públicos, o que vem proporcionando um novo cenário para o turismo e a cultura, ampliando o número de cartões-postais na Ilha.

Além da reestruturação, o meio ambiente na área de preservação da Lagoa está contemplado e conservado, abrangendo um total de 35 espécies aproveitadas, o que se soma ao paisagismo e ao urbanismo sustentável. No circuito de caminhada, um dos ambientes da praça, é composto de área sombreada na parte externa, com bancos ao longo do trecho, onde também estão as vagas de estacionamento.

O local foi o escolhido pelo funcionário Márcio Roberto Silva Pereira, que tirou a tarde de uma sexta-feira para levar a irmã e os sobrinhos para aproveitarem a área: “Antes aqui era só mato e lixo.  Essa revitalização proporciona uma saída na sexta-feira e nos finais de semana com meus sobrinhos, que querem brincar, e até mesmo a gente, que já passa a semana toda trabalhando. Muito bom mesmo”.

Na Ponta d’Areia, a sensação é o Espigão Costeiro, que tem por finalidade barrar a erosão causada pela força da maré. Na gestão do governador Flávio Dino, a estrutura foi além de sua função inicial e se transformou em mais um cartão postal após requalificação.  

“Antes eu achava que ia ser apenas um equipamento para barrar a força do mar, mas atualmente isso aqui tem trazido muita gente para cá. Tem música, tem comércio, e tem principalmente essa natureza, com muito vento, um lindo mar e esse pôr do sol que a gente pode ver no final de cada tarde”, disse Nívea Raquel Castro, atendente, que levou o filho de seis meses para brincar ao ar livre.

0 comentários:

Postar um comentário

Hotel Pousada do Buriti

Hotel Pousada do Buriti
Barreirinhas- Maranhão

Cidadão limpeza

Yes

Posseidon Hotel Ltda

DUVEL

DUVEL
CALHAU AV. DOS HOLANDESES, QUADRA 29, Nº08, RETORNO DO CALHAU - CALHAU TELEFONE: (98) 2108-3000

Colégio Batista

Colégio Batista