Assembleia Legislativa do Maranhão

segunda-feira, 20 de novembro de 2017
Para celebrar as conquistas sociais do povo negro e a luta por inclusão em políticas públicas, nesse domingo (19), a Feirinha São Luís comemorou o Dia da Consciência Negra, que acontece nessa segunda-feira (20). A Feirinha é uma ação da Prefeitura, por meio da Secretaria Municipal de Agricultura, Pesca e Abastecimento (Semapa), que nessa edição teve a parceria da Secretaria Municipal de Cultura (Secult).

Para o titular da Semapa, Ivaldo Rodrigues, a Feirinha, além de expor a diversidade cultural da cidade, fomenta a agricultura familiar e a economia; trata de assuntos importantes como a luta dos negros por equidade. "Temos a comercialização de produtos da agricultura familiar da cidade, além de criar também um espaço de diálogo e conscientização sobre temas importantes como nessa edição especial em alusão ao Dia da Consciência Negra, trazendo diversos blocos afros, mostrando ao grande público mais sobre a cultura de raiz africana, tão presente em nossa capital", destacou o secretário.

Durante a 24° edição da Feirinha São Luís, os blocos afros, Abiyèyè Maylo, Oficina Afro, Abibimã, Gdam e Jureme, se apresentaram em uma programação cultural que contou ainda com show de Clay Viana, bloco tradicional Os Foliões, e banda Soul Reggae.


"Nessa edição em alusão ao Dia da Consciência Negra, temos mais um momento de fortalecimento e reafirmação da luta histórica do nosso povo, a cultura e nossa identidade enquanto afrodescendentes", explicou o secretário municipal de cultura, Marlon Botão.

Billy Walter, representante da Associação Cultural Beneficente Afro Abibimã, acredita que mostrar a cultura negra para a sociedade é de grande valia. "Viemos trazer a nossa história, a nossa cultura e os nossos tambores. A luta do negro por igualdade política e justiça social é diária e só vai acabar quando o racismo for extinto. Esse tipo de espaço como a Feirinha São Luís é muito importante para podemos dar voz ao nosso movimento", disse Billy Valter.


AÇÕES

Ainda dando continuidade ao trabalho social da campanha Novembro Azul, continua o estande coordenado pela Secretaria Municipal de Saúde (Semus), que nessa edição trabalhou com a temática "População Negra e Saúde do Homem". Na ocasião foram oferecidas orientações sobre as doenças como diabetes, anemia falciforme e hipertensão, além de serviços como distribuição de preservativos, vacinação contra HPV para meninos, aferição de pressão, teste de glicemia e testes rápidos.

Outra ação que movimenta a Feirinha São Luís este mês é a campanha "Natal sem Fome", por iniciativa da ONG Ação da Cidadania, que visa a arrecadação de alimentos não perecíveis que serão doados a famílias em situação de vulnerabilidade social. O objetivo é contribuir para amenizar a fome dos excluídos, na noite de Natal. Os alimentos podem ser entregues no estande de arrecadação, na Feirinha São Luís, próximo à praça de alimentação dos foodtrucks, todos os domingos deste mês.

Além de expor a diversidade cultural da Ilha, a Feirinha fomenta a economia criativa aos produtores da capital em mais de 11 polos, que comercializam produtos diversos a preços competitivos, distribuídos em mais de 90 pontos de comércio, movimentando o turismo na capital e a geração de renda. A Feirinha conta com 29 barracas para venda de produtos agrícolas, 25 para artesanato, 19 de alimentação e 13 food trucks.

0 comentários:

Postar um comentário

Pousada Buriti

Pousada Buriti
Barreirinhas- Maranhão

Rádio Timbira

Intervenção no transito de São Luís

Yes

Posseidon Hotel Ltda

DUVEL

DUVEL
CALHAU AV. DOS HOLANDESES, QUADRA 29, Nº08, RETORNO DO CALHAU - CALHAU TELEFONE: (98) 2108-3000

Colégio Batista

Colégio Batista