CAMPANHA: IPTU 2018

sexta-feira, 13 de julho de 2018
O objetivo foi estimular a criação de novos produtos aos profissionais envolvidos coma economia criativa na Rota das Emoções.


Lençóis Munim – Perpetuar a experiência de encantamento vivida na Rota das Emoções por meio da arte e das criações dos artistas locais é uma das propostas do projeto Emoção na Mão, que teve mais uma etapa realizada na última semana – o “Workshop Ampliação do Olhar Criativo na Rota das Emoções”.

Na quarta-feira da última semana, um grupo de 15 artesãos esteve no auditório do Sebrae em Barreirinhas para participar da ação e na quinta-feira, foi a vez dos artesãos de Tutóia serem contemplados com as atividades que aconteceram no auditório do Sindicato Intermunicipal dos Servidores Públicos Municipais de Tutóia, Santana do Maranhão e Paulino Neves.


O Projeto Emoção na Mão – Rota das Emoções é desenvolvido pelos Sebrae dos estados do Maranhão, Piauí e Ceará com a proposta de atender a demanda do mercado que anseia por produtos típicos do destino, bem como estimular a criação de novos produtos e souvenirs, capacitar os artesãos envolvidos e trabalhar estratégias de comercialização.

Nesta etapa do projeto, os artesãos puderam conhecer mais sobre o Emoção na Mão e sobre a Rota das Emoções, além de realizar uma visita técnica ao Parque Nacional dos Lençóis Maranhenses e em Tutóia, com visita ao circuito de praias da Área de Proteção Ambiental do Delta do Parnaíba. Em Barreirinhas, os artesãos participaram também de um walking tour pela cidade, nos pontos de visitação dos turistas.


A gestora do Sebrae estadual para o projeto Destinos Turísticos Inteligentes na Rota das Emoções, Flávia Nadler, destacou que essa é a segunda etapa do Emoção na Mão, que objetiva ampliar o olhar criativo dos artesãos tanto de Barreirinhas, quanto de Tutóia.

“Aproveitamos a oportunidade para apresentar a Rota das Emoções como destino integrado para os participantes desse projeto. Com isso, eles puderam conhecer um pouco mais do roteiro, realizando visitas técnica aos atrativos turísticos. Muitos, apesar de morarem nas comunidades, não conheciam ou nunca tiveram a oportunidade de visitar esses locais com o olhar do turista. Acreditamos que a experiência irá inspirá-los de maneira diferenciada, fazendo com que percebam nuances de cada paisagem, texturas e cores que irão ajudar na produção de sua arte”, ressaltou a gestora do Sebrae.

O workshop


A ação desta etapa do Emoção na Mão contemplou, além das visitas técnicas aos atrativos, palestra sobre os principais elementos que formam a Rota das Emoções: as belezas naturais, os esportes, os municípios, a diversidade e unicidade, o perfil do turista, introduzindo o senso de pertencimento nos participantes para que possam se perceber como partes fundamentais deste roteiro. “A Rota das Emoções, além de todas as suas belezas, tem o ser humano como principal elo na prestação dos serviços e o artesanato como manifestação da arte e da cultura local”, sinalizou Flávia Nadler.

O artista plástico e guia de turismo, Raurício Barbosa, compartilhou suas experiências com os artesãos de Barreirinhas e guiou o grupo pela visita aos pontos turísticos da cidade. “Nossa proposta é despertar o olhar delas sobre o local onde nasceram, valorizando os elementos específicos de Barreirinhas e criar uma narrativa que possa se apresentar através de formas, cores, elementos do artesanato diversificado da região”, disse.


A artesã Eva Sousa definiu a experiência como riquíssima. “Eu acredito que aquilo que estamos vendo hoje, vai nos levar a alcançar algo maior, que é desenvolver ainda mais nosso artesanato”, comentou.

Identidade cultural de Tutóia


Em Tutóia, o técnico da Secretaria Municipal de Turismo, Nathan Oliveira, informou que a prefeitura tem apoiado as ações do projeto Emoção na Mão. “O artesanato de Tutóia é de grande valor para a comunidade, um ícone da nossa identidade cultural e envolve toda região. É importante termos esse apoio do Sebrae, no incentivo e acompanhamento dos artesãos locais, sendo sempre um grande parceiro”, ressaltou.

As artesãs Maria do Rosário Araújo e Roseline Araújo Conceição são, respectivamente, mãe e filha que trabalham há mais de 10 anos com artesanato em Tutóia. “Boa parte da renda familiar vem do artesanato, que também é uma produção onde quase toda a nossa família está envolvida, seja na coleta do material ou na produção. Visitar os atrativos vai nos permitir ter um outro olhar tanto na produção, quanto na comercialização das peças, levando em consideração, por exemplo, o tamanho para que tenham maior aceitação dos turistas”, sinalizou Maria do Rosário.


“Participar dessa experiência como artesão e turista foi muito importante, pois, podemos agregar várias coisas em cada peça que produzimos como as dunas, os coqueiros, a vegetação. Como turista eu estou amando cada local. Agradeço muito ao Sebrae, pois é um incentivador do nosso artesanato. Eu cresci vendo minha mãe fazendo artesanato e sendo apoiada pelo Sebrae”, disse Roseline que também é presidente da Associação dos Artesãos Esperança do Bairro Monte Castelo e Adjacências – Arte e Trama.

A ação contou com o apoio das Prefeituras Municipais de Barreirinhas e Tutóia, Associação dos Condutores de Turismo de Barreirinhas – Acontur; Associação dos Receptivos de Barreirinhas – Avbtur; Sindicato Intermunicipal dos Servidores Públicos Municipais de Tutóia, Santana do Maranhão e Paulino Neves (SinsputSampan) e Baluarte Pousada e EcoTurismo.

0 comentários:

Postar um comentário

Yes

Hotel Pousada do Buriti

Hotel Pousada do Buriti
Barreirinhas- Maranhão

Posseidon Hotel Ltda

DUVEL

DUVEL
CALHAU AV. DOS HOLANDESES, QUADRA 29, Nº08, RETORNO DO CALHAU - CALHAU TELEFONE: (98) 2108-3000

Colégio Batista

Colégio Batista