CAMPANHA: IPTU 2018

sexta-feira, 16 de fevereiro de 2018
A Prefeitura de São Luís reforçou a estrutura de pessoal e material da rede de urgência e emergência para garantir o atendimento aos foliões nas unidades de saúde da rede municipal nos cinco dias de Carnaval. Dados divulgados por meio da Secretaria Municipal de Saúde (Semus) nesta quinta-feira (15), mostram que foram cerca de sete mil atendimentos nas 10 unidades de saúde que funcionaram 24 horas no período carnavalesco. Além destes serviços, a gestão municipal desenvolveu ainda uma ampla campanha de prevenção às Doenças Sexualmente Transmissíveis (DSTs) em diversos pontos de folia.

Segundo o secretário municipal de Saúde, Lula Fylho, sob a orientação do prefeito Edivaldo foi montada uma equipe que monitorou o sistema de forma permanente para garantir a resolutividade. "Além de estarem abastecidas e com equipes extras de profissionais, as unidades estavam recebendo os pacientes de acordo com a gravidade dos casos. Fizemos todos os esforços para que os atendimentos seguissem a classificação de risco, e assim garantimos também a agilidade necessária. Tivemos uma média de 1.300 pacientes por dia", explicou o secretário.

Parte importante do trabalho foi realizado pelo Samu, que funcionou com toda a frota de ambulâncias e o apoio das bases descentralizadas, que asseguraram a agilidade no tempo resposta das chamadas telefônicas. Pelo levantamento da Prefeitura, foram feitos 946 atendimentos pelo Samu, sendo que em 267 ligações foi necessário o envio da ambulância para a remoção do paciente, nos outros casos a orientação foi feita via telefone pelas equipes médicas que estavam de plantão na base do Samu.

Na maioria dos atendimentos realizados pela rede municipal de saúde durante o Carnaval, os pacientes passaram por consulta médica e foram submetidos a procedimentos como sutura e hidratação, além de pequenas cirurgias. Casos de maior complexidade foram atendidos nos Socorrões I e II.

DSTs


Com tema "Vamos Combinar? Prevenir é Viver", a Prefeitura de São Luís, por meio da Semus, desenvolveu ampla campanha com ações voltadas à prevenção de Doenças Sexualmente Transmissíveis (DSTs), no período carnavalesco. As atividades foram centradas em pontos estratégicos de grande circulação de pessoas, onde equipes de agentes de saúde prestaram orientações, aconselhamento e distribuíram preservativos e materiais informativos sobre as formas de prevenção às DSTs/AIDS e às Infecções Sexualmente Transmissíveis (ISTs).

Durante o Carnaval, os agentes de saúde estiveram também na Passarela do Samba, entregando preservativos, materiais informativos, aconselhamentos sobre a importância da testagem do HIV, Sífilis. Hepatites B e C. As ações foram desenvolvidas pela Coordenação Municipal de DST/AIDS e Hepatites Virais e suas equipes de extensão formada pelos Centros de Testagem e Aconselhamento do Anil e do Lira e, também, pelo Centro de Saúde do Bairro de Fátima.

O êxito da campanha de prevenção às DSTs no Carnaval foi possível graças às oficinas de formação de multiplicadores e roda de diálogos sobre profilaxia pós-exposição ao HIV, destinada a profissionais do Serviço de Atendimento Móvel (Samu), da Polícia Militar, Corpo de Bombeiros, Cruz Vermelha, lideranças comunitárias e populares, lideranças de movimentos jovens e estudantes. A capacitação foi feita pela Semus.

0 comentários:

Postar um comentário

Yes

Hotel Pousada do Buriti

Hotel Pousada do Buriti
Barreirinhas- Maranhão

Posseidon Hotel Ltda

DUVEL

DUVEL
CALHAU AV. DOS HOLANDESES, QUADRA 29, Nº08, RETORNO DO CALHAU - CALHAU TELEFONE: (98) 2108-3000

Colégio Batista

Colégio Batista