quarta-feira, 17 de outubro de 2018

“Estou linda. Adorei meus sapatos”, foi a reação da idosa Raimunda Soares, de 84 anos, ao se olhar no espelho após ser maquiada. Ela é uma das 32 moradoras das três residências terapêuticas, mantidas pelo Governo do Estado, que posaram, nesta quarta-feira (17), em uma sessão fotográfica para uma exposição do Projeto Reencontros. O projeto, que inclui outras ações como piquenique, será realizado em todo mês de outubro, em alusão ao Dia Mundial de Saúde Mental, celebrado no último dia 10. 

Os preparativos da sessão incluíram escolha de figurino, produção de maquiagem e cabelo, momento em que os 32 moradores resgataram a autoestima e se divertiram.  “As residências trabalham a ressocialização dos seus moradores, com o projeto fazemos o resgate dessa pessoa, da sua cidadania, da beleza, dos seus sonhos e da sua identidade”, explicou a coordenadora da Residência Terapêutica II José Raimundo Brandão, Isabelle Rego. 

A exposição é uma ação de valorização dos moradores das residências terapêuticas, de forma única, expressando a beleza através da sessão de fotos. 


Segundo Rafaely Polary, coordenadora da Residência Terapêutica I Amarilis Toledo, no Monte Castelo, a exposição fotográfica, além de promover a reabilitação psicossocial, com a inserção do usuário nas relações sociais da comunidade, ajuda a combater o preconceito da sociedade com as pessoas com transtorno mental. “É importante trabalhar essa questão, porque o preconceito ainda existe. Fazemos passeios com eles e percebemos os olhares. Isso está mudando com ações como esta”, comentou. 

Assim como os moradores das duas casas localizadas no Monte Castelo, os residentes da Residência Terapêutica III Jardim das Flores, em Paço do Lumiar, cuja coordenação é de Mayara Magalhães, também participaram da sessão de fotos. 

São parceiros do projeto o Studio Flávia Mota (maquiagem), a consultora de beleza Mary Kay (maquiagem) Genicleia Serra, Casa das Noivas (figurino), Gina Mondego (cenário e decoração). “Como profissionais da beleza, temos como significado maior realçar a beleza das pessoas. Tudo aqui envolve realçar e motivar a autoestima. É engrandecedor para nós, como pessoas e como profissionais”, disse a maquiadora Flávia Mota.

Residências Terapêuticas

A Secretaria de Estado da Saúde (SES) mantém três residências terapêuticas. As casas são alternativas de moradia para pacientes que estão internadas há anos em hospitais psiquiátricos por não contarem com suporte adequado na comunidade ou família.

0 comentários:

Postar um comentário

Pousada do Buriti

Yes

Duvel