Assembleia Legislativa do Maranhão

sexta-feira, 23 de novembro de 2018
O anúncio foi deito em um evento para empresárias e empreendedoras ligadas a sete redes de mulheres identificadas pela instituição no MA. Projeto é pioneiro no Brasil.


São Luís - A diretora de Administração e Finanças do Sebrae no Maranhão, Rachel Jordão, anunciou que a instituição irá investir meio milhão de reais no projeto de Empreendedorismo Feminino, que foi lançado na noite desta quarta-feira (21), no Villa Realle Buffet Litorânea, durante o encontro Espetáculo de Mulheres Empreendedoras, que reuniu cerca de 400 empresárias e empreendedoras, associadas a sete redes de mulheres que lideram negócios no estado.

Segundo a diretora, o Maranhão é um dos 10 estados que estão recebendo recursos do Sebrae Nacional para desenvolver este projeto pioneiro. “Aqui no Nordeste apenas o Maranhão e a Bahia estão incluídos nesta iniciativa. Conseguimos essa vitória, ao mostrarmos que há quase 300 mil mulheres donas de negócios no estado e que um a cada três empresários maranhenses são do sexo feminino. Aqui estão cerca de 4% de todas as mulheres empreendedoras do país. Fizemos questão de lançar este projeto em novembro porque é o mês em que celebramos o dia estadual da mulher empresária (03) e internacional do empreendedorismo feminino (19)”, justificou Rachel Jordão.

Ela ainda citou pesquisas do Sebrae que mostram que a mulher profissional está cada vez mais ativa, seja com empregadora ou como empregada, e ainda encontra tempo para se dedicar a família e aos afazeres domésticos.


“Estes aspectos comprovam a revolução social que vem acontecendo há décadas no Brasil, e que se intensificou nos últimos 20 anos, incluindo e destacando a mulher como ator social importante, e as instituições públicas ou privadas não podem ignorar este fenômeno. Há uma necessidade contemporânea de oferecer produtos e serviços específicos para este público, e o Sebrae está atento a estas mudanças. Temos diversas ferramentas e serviços para atender estas necessidades a agora teremos um projeto de atendimento coletivo pensado para fomentar, engajar, preparar a mulher que empreende no estado”, completou a diretora de Administração e Finanças da instituição.

Para a empresária Guga Fernandes, ex-presidente da Associação das Mulheres Empreendedoras do Maranhão (AME-MA), que foi uma das pioneiras na busca de apoio do Sebrae para as mulheres empresárias, o lançamento do projeto é uma vitória. “Quando buscamos contato com o Sebrae, há três anos, iniciamos uma série de tratativas sobre como incentivar as mulheres a empreender e o resultado culminou neste projeto”, comentou.

Para Juçara Felipe de Paula, presidente do Conselho da Mulher Empresária da Associação Comercial e Industrial de Imperatriz (ACII), a iniciativa do Sebrae é bem vinda. “Este projeto é maravilhoso porque vai estimular, motivar, transformar e empoderar a mulher empresária. O Sebrae está tomando esta iniciativa em boa hora e ficamos muito felizes porque irá acontecer em Imperatriz também”, afirmou.

PALESTRA

Durante o encontro, a jornalista Glória Maria, da Rede Globo, proferiu uma palestra sobre as atitudes de uma mulher que empreende. “Empreender é muito difícil. A vida é muito dinâmica e exige muito mais de quem decide empreender. Uma coisa é clara para quem toma esta decisão: não dá para ter sucesso fazendo a mesma coisa. Tem que sempre procurar fazer diferente. As mulheres são empreendedoras por natureza porque são críticas e observadoras. Estão sempre analisando tudo e sempre surgem boas ideias desse processo”, afirmou a jornalista, que contou um pouco da sua história de trabalho. 

Ainda durante o evento, o diretor técnico do Sebrae, Antônio Garcês, e a diretora Rachel Jordão, entregaram placas de reconhecimento à deputada estadual Graça Paz, pela iniciativa de propor o projeto que criou o dia estadual da mulher empresária, e à empresária Guga Fernandes que já presidiu a AME-MA, que provocou a parlamentar para a regulamentação da data.

Além disso, a atual presidente da AME-MA, Ana Brandão, a presidente do Conselho da Mulher Empreendedora da Associação Comercial do Maranhão (ACM), Magnólia Rolim; a presidente do da Associação dos Jovens Empresários (AJE), Shirley Cunha; a coordenadora do Comitê do grupo Mulheres do brasil, Guga Fernandes; a vice coordenadora do Movimento Empreender Mulher, Camila Monteiro; a presidente da Rede Mulher Poderosa, Luzia Nojosa; a coordenadora da Rede O Segredo da Mulher Poderosa, Venízia Ferreira e presidente do Conselho da Mulher Empresária da ACII, a Juçara Felipe de Paula, assinaram o termo de acordo para a participação dessas entidades empresariais no Projeto Empreendedorismo Feminino no Maranhão.

Os próximos passos serão reuniões de estimulo e a pactuação do projeto que deverão acontecer já em janeiro do ano que vem. “O projeto acontecerá entre 2019 e 2020 e estará vinculado com a estratégia geral do Sebrae e seus objetivos estratégicos”, finalizou a diretora de Administração e Finanças, Rachel Jordão.

Também estiveram presentes a prefeita de Rosário, Irlahi Moraes, a prefeita de Pastos Bons, Iriane Gonçalo; a vereadora de São Luís, Concita Pinto, e a diretora do Procon, Karen Barros.

0 comentários:

Postar um comentário

Pousada do Buriti

Yes

Duvel