Assembleia Legislativa

São João do Maranhão 2019

São João do Maranhão 2019
segunda-feira, 15 de abril de 2019
A ideia é valorizar e estimular ações de educação empreendedora na educação formal, premiando experiências de sucesso no ensino fundamental, médio, profissional e superior.


Há algum tempo o conceito de empreendedorismo ganhou dimensões para além do mundo dos negócios e deixou de estar vinculado somente a quem é empresário. O termo ganhou conotação e amplitude maiores, integrando, hoje, pensamento, criatividade, soluções de problemas e visão estratégica.

 No entendimento atual do conceito, empreendedorismo pode ser entendido como a disposição ou capacidade de idealizar, coordenar e realizar projetos, assim como criar e implementar mudanças, inovações e melhorias a um mercado ou negócio. A boa notícia é que as características e habilidades que quem empreende não são, necessariamente, inatas; elas podem, também, ser desenvolvidas nos indivíduos que se condicionam a aprendê-las e praticá-las no seu dia a dia.

Pensando nas ações empreendedoras voltadas ao universo do ensino-aprendizagem foi idealizado o Prêmio Sebrae de Educação Empreendedora, uma iniciativa relevante no país que tem por objetivo divulgar, valorizar, reconhecer e estimular as boas práticas aplicadas para desenvolver, aperfeiçoar e fomentar o comportamento empreendedor em alunos de instituições públicas e privadas de ensino. O prêmio está com inscrições abertas até o dia 26 de abril.

As ações inscritas devem estar voltadas aos diversos níveis da educação formal – fundamental, médio, profissionalizante e superior, que também definem as categorias da premiação. Envolvendo professores, diretores e coordenadores de escolas, secretários municipais ou estaduais de Educação, reitores de universidades e profissionais do ensino formal, o Prêmio Sebrae de Educação Empreendedora terá três etapas: estadual, regional e nacional.

Os interessados podem participar da premiação de maneira individual ou por equipes de, no máximo, cinco integrantes. A ação ou iniciativa inscrita (atividade, projeto, programa, curso, etc.) deve ser apresentada por meio de um Caso (relato), com a descrição do que foi realizado e dos resultados alcançados para despertar, estimular ou desenvolver nos alunos uma atitude empreendedora. As regras estão contidas no edital da premiação, que pode ser consultado no site EDUCACAOEMPREENDEDORA.SEBRAE.COM.BR, onde também é feita a inscrição gratuita, com a inserção do relato da ação – que deve estar vigente em instituições de ensino.

A cerimônia nacional para a entrega do Prêmio Sebrae de Educação Empreendedora está agendada para o mês de agosto. Participarão da solenidade, 20 casos – cinco de cada categoria e que já tenham sido selecionados entre os 60 da etapa regional.

No Maranhão, logo após o fechamento das inscrições já será iniciado o processo de habilitação e julgamento dos relatos para que passem pela validação da equipe técnica. A solenidade de premiação estadual está prevista para o mês de julho.

0 comentários:

Postar um comentário

Pousada do Buriti

Yes

Duvel