Assembleia Legislativa

São João do Maranhão 2019

quinta-feira, 13 de junho de 2019
A iniciativa foi batizada de “Delas Sebrae Mulher de Negócios” e atenderá cerca de 500 mulheres empreendedoras em São Luís, Imperatriz e Caxias nos próximos dois anos


No Maranhão, mais de 250 mil mulheres lideram negócios. Parte desse contingente – cerca de 500 empreendedoras dos municípios de São Luís, Imperatriz e Caxias – será assistido nos próximos dois anos pelo projeto Sebrae “Delas Sebrae Mulher de Negócios”. O projeto é pioneiro no Brasil e foi apresentado nesta quinta-feira (13), em São Luís, em evento que reuniu quase 300 empresárias selecionadas para a iniciativa.

“Trata-se de uma iniciativa piloto no Sistema Sebrae voltada para o atendimento de necessidades das mulheres empreendedoras, as quais, segundo estudos, representam 24 milhões de uma população empreendedora nacional que soma 49 milhões de empreendedores de ambos sexos. Com o projeto, pioneiro no Maranhão, essas ações vão chegar a três municípios onde se verifica uma concentração muito forte de negócios liderados por mulheres, que necessitam de suporte para crescer e se desenvolver”, explicou a diretora de Administração e Finanças do Sebrae no Maranhão, Rachel Jordão, na abertura do evento.

“Essa jornada que iniciamos hoje concretiza um compromisso do Sebrae de atuar para juntos desenvolvermos os empreendimentos selecionados, valorizar a mulher empreendedora e sua força na economia local e transformar o negócio e a gestão dos empreendimentos selecionados”, acrescentou a executiva.


O projeto abre caminhos para pessoas como a microempreendedora individual Solange Ribeiro, dona de um estúdio de maquiagem e design de sobrancelhas, formalizada desde 2012.

“Essa oportunidade me traz a perspectiva de rever minha postura como empreendedora, de me preparar para superar pontos fracos e de me disciplinar para crescer de forma planejada. É como se, mesmo já sendo formalizada, eu estivesse saindo de um ambiente amador para buscar, de fato, me profissionalizar e, com isso, me diferenciar no mercado”, analisa ela.

Planejamento 

Profissionalizar o negócio é caminho para quem quer crescer com segurança e passa necessariamente por garantir autonomia financeira e apostar no planejamento do negócio.


Esses aspectos foram destacados na palestra proferida pela jornalista e apresentadora da TV Gazeta, Patrícia Lages, que é autora do blog Bolsa Blindada. Ela defende a autonomia financeira como uma das bases do empoderamento feminino.

Durante a palestra, a jornalista chamou atenção para o fato de que questões como deficiências de atendimento, qualidade de produto, falta de conhecimento do ramo de atuação e baixo grau de inovação, normalmente apontadas como causas para o fracasso de um negócio, são suficientes, mas nem sempre determinantes.

“O aspecto financeiro sim, é decisivo, daí a importância de investir no planejamento financeiro visando o crescimento do negócio. É preciso profissionalizar as finanças, qualquer que seja o tamanho da empresa, lembrando que isso não significa burocratizar. Quando se trata da empresa, agir com a razão, é regra de ouro”, complementou a palestrante.


O recado caiu como luva para Jesus Borralho, uma das selecionadas no projeto e proprietária da Brownies da Jesus, empreendimento iniciado há quatro anos por ocasião da formatura do neto. Na ocasião, a empreendedora foi desafiada a confeccionar doces para o evento, incentivada por ele. Desde então, os brownies ganharam lugar definitivo no coração dela.

Além de doceira, Jesus trabalha como babá e cuidadora de um jovem especial. Com o crescimento das encomendas de brownies, ela se viu confrontada com a necessidade de optar entre as duas atividades. “A opção pelos brownies foi algo duro de encarar. Mas percebi que, se não tivesse coragem para enfrentar, isso seria a morte do negócio, do meu sonho”, comenta ela.

“Com o projeto, espero crescer em conhecimento. Na prática, sabemos fazer o produto, mas precisamos aprender como gerenciar, como chegar no cliente e qual a melhor decisão na hora de expandir o negócio, que é muito mais do que uma simples renda. É um sonho, que agora tem a oportunidade de ser mais profissional; um dom, que pode ser melhorado para crescer. Já me sinto realizada de ver novos horizontes estão se abrindo para mim”, comemora a doceira.

Resultados

Com foco em resultados que serão pactuados e mensurados ao longo do ciclo de execução, o projeto terá duração de dois anos. A etapa inicial será a aplicação da pesquisa T0, uma espécie de diagnóstico das empresas que servirá de marco inicial para avaliar a evolução da empresa durante o projeto. 

Estão previstas ações de capacitação, por meio de cursos, oficinas, ciclos de palestras, mentorias e consultorias; de fortalecimento à gestão, para inclusão financeira e inovação, para geração de networking, para incremento de faturamento e ampliação do nível de formalização. Além disso, o projeto contempla, ainda, a participação em eventos, dentre os quais: o 1º Encontro de Mulheres Empreendedoras do Maranhão, no Sebrae Inspira Mulheres e Expo Indústria Maranhão 2019.

“Com esta jornada, vamos oferecer às participantes a chance de conhecer seus pontos fortes e fracos e oportunidades de melhorias, atuando diretamente nos aspectos que influenciam o crescimento, com segurança, de seus negócios”, frisa a coordenadora local do projeto, Rosana Muniz Costa.

0 comentários:

Postar um comentário

Pousada do Buriti

Yes

Duvel