Assembleia Legislativa

quarta-feira, 4 de dezembro de 2019

 “Virou o rio Mearim o meu coração, e o Quinto na Avenida, na Ribeira da emoção, é Madre Divina, é minha paixão, é branco, é azul-poesia na batida da Explosão!”.  Com esse refrão, cheias de energia e empolgação, as compositoras Carol Cunha, Selma Delago, Wanda Cunha e Isabel Cunha subiram ao palco da Madre de Deus, na última sexta-feira (29) e conquistaram uma vaga na final do concurso para a escolha do samba-enredo da Turma do Quinto que, em 2020, vai homenagear os cem anos de Bacabal. A final será na próxima sexta-feira (06), a partir das 23 horas, na sede da escola.

Elas chegaram pra fazer história e angariar o respeito e a admiração de todos. É o que afirma o presidente do Conselho Fiscal da TQ, Gersinho Silva: "A participação feminina no concurso para escolha do samba-enredo da Turma do Quinto contribui para o fortalecimento do segmento das escolas de samba. Justamente a Turma do Quinto que já nos anos setenta apresentou a intérprete  Maria Diniz, a primeira mulher que puxou o samba de uma Escola em nosso Carnaval.  A ousadia das meninas Cunha e de Selma Delago junta-se ao belo canto de Maria Diniz e faz história no carnaval maranhense ".

O tratamento dispensado às compositoras pela diretoria da TQ e pelos concorrentes  tem sido um ato de gentileza e companheirismo, o que demonstra o espírito receptivo da galera masculina que ocupa aquele espaço. “O samba delas cresceu muito no palco”, comentou o compositor e cavaquinhista Philippe Sapuca sobre a classificação das compositoras.

Para o blogueiro e compositor Zé Lopes, todos têm a mesma chance de ganhar e não tem essa de melhor samba. Pra Lopes, elas quebraram tabus, estão em uma disputa com a mais fina estirpe de compositores e cantores do samba. “Independente do resultado, elas são as maiores vencedoras desse concurso e são as grandes responsáveis pela renovação da nossa tão sofrida Música Popular produzida no Maranhão”, concluiu o Lopes.

As compositoras, na última sexta, foram calorosamente aplaudidas pela comunidade da Madre Divina. No palco, elas também contaram com a participação das cantoras Andrea Frazão e Mazé Veras (do Grupo As Sirigaitas); da cavaquinhista Lia Lobato (do Grupo As Brasileirinhas);  do baixista Caio César. Também houve a  participação especial do cavaco de Philippe Sapuca. Para o dia 6, elas levarão ainda o cavaquinhista Márcio Guimarães e a violonista Loren Correa.

Os finalistas – Pela ordem de apresentação, as cinco propostas para a final são: 1. Zé Lopes, Walasse Godinho, Gilvan Mocidade e Manu Lopes; 2. Manoel Henrique, Carlos Boni, Cecel Mix, João Eudes e Mikael  Prata; 3. Silvio Rayol, Philippe Sapuca, Valmir Sales e Camarão Mendes; 4. Alysson Ribeiro, Dominguinhos Lopes, Eulálio Figueiredo e Renato Guimarães; 5. Carol Cunha, Wanda Cunha, Selma Delago e Isabel Cunha.

|Informação: Wanda Cunha
Foto: Divulgação/ Wanda Cunha

0 comentários:

Postar um comentário

Fiema

Pousada do Buriti

Yes

Duvel