CAMPANHA: REVIVA

terça-feira, 18 de setembro de 2018
Destaque do cavaquinho cinco cordas, brasiliense Márcio Marinho é o convidado da terceira edição da temporada 2018 de RicoChoro ComVida na Praça


A história de alguns instrumentos musicais no Brasil pode ser caracterizada pela insatisfação de seus instrumentistas, em busca de um som que os instrumentos, em seus formatos originais, não lhes possibilitava.

O violonista carioca Artur de Souza Nascimento, o Tute (1886-1957), acrescentou uma corda grave ao violão e inventou o violão de sete cordas, que deu sobrenome artístico a Dino (Horondino José da Silva, 1918-2006), do Conjunto Época de Ouro, famoso por acompanhar Jacob do Bandolim (Jacob Pick Bittencourt, 1918-1969).


Por falar em Jacob, o brasiliense Hamilton de Holanda acrescentou um par de cordas ao instrumento que lhe deu fama, angariando, ele também, fãs e seguidores por todo o mundo.

Uma corda a mais tem também o cavaquinho de Márcio Marinho, jovem brasiliense, garoto prodígio quando o assunto é cavaco – o dele, no caso, tem cinco cordas. Nascido também em Brasília, em 1984, ele é o artista convidado do próximo sarau de RicoChoro ComVida na Praça, que acontece no próximo dia 22 de setembro (sábado), às 19h, na Praça da Fé (Casa do Maranhão, Praia Grande).

Márcio Marinho começou a tomar aulas de cavaquinho aos 13 anos e aos 15 passou a integrar o grupo Novos Chorões. Em 2001, passou a integrar o grupo Sorrindo à Toa, sob o comando de Reco do Bandolim, lenda viva do choro no Planalto Central. Unindo emoção e virtuosismo, Márcio Marinho já dividiu o palco com nomes como Carlos Malta, Dominguinhos, Hermeto Pascoal e Osvaldinho do Acordeom, entre outros.


Em 2003 assumiu o cavaquinho no grupo Cai Dentro e no ano seguinte, a convite de Reco, passou a integrar o Choro Livre, um dos mais antigos em atividade em Brasília, também fundado por Reco do Bandolim.

Para acompanhar tamanha virtuosidade, o time local não deixa a dever. Márcio Marinho será recebido pelo Quarteto Crivador, formado por Júnior Maranhão (violão sete cordas), Marquinhos Carcará (percuteria), Rui Mário (sanfona) e Wendell de la Salles (bandolim), um conjunto de virtuoses, cuja sonoridade é marcada por ritmos da cultura popular do Maranhão e elementos latinos fundidos ao choro de nomes como Egberto Gismonti, K-Ximbinho e Toninho Ferragutti, entre outros.

O dj da noite é Jorge Choairy, nome reconhecido na cena ludovicense como responsável pela trilha de festas conceituais, com sua mistura de brasilidades, latinidades, tropicálias e carnaválias.


Acessibilidade — Todas as edições de RicoChoro ComVida na Praça garantem a presença confortável de pessoas com deficiência ou mobilidade reduzida. O projeto itinerante conta com banheiros acessíveis, assentos preferenciais com sinalização, audiodescrição e tradução simultânea em libras.

RicoChoro ComVida na Praça é uma realização de Eurica Produções, Girassol Produções Artísticas e RicoChoro Produções Culturais, com patrocínio de TVN, através da Lei Estadual de Incentivo à Cultura do Maranhão.

Serviço

O quê: terceira edição da temporada 2018 do projeto RicoChoro ComVida na Praça

Quem: dj Jorge Choairy, Quarteto Crivador e Márcio Marinho

Quando: dia 22 de setembro (sábado), às 19h

Onde: Praça da Fé (Casa do Maranhão, Praia Grande)

Quanto: grátis

Redes sociais: facebook/instagram: @ricochorocomvida

Patrocínio: TVN, através da Lei Estadual de Incentivo à Cultura do Maranhão

0 comentários:

Postar um comentário

Fiema

MARENCANTO

Hotel Pousada do Buriti

Hotel Pousada do Buriti
Barreirinhas- Maranhão

Yes

Colégio Batista

Colégio Batista

DUVEL

DUVEL
CALHAU AV. DOS HOLANDESES, QUADRA 29, Nº08, RETORNO DO CALHAU - CALHAU TELEFONE: (98) 2108-3000

Posseidon Hotel Ltda