Assembleia Legislativa

sexta-feira, 12 de julho de 2019
O objetivo é promover novos roteiros do polo. A ação teve apoio do Sebrae e é resultado de uma parceria entre o Fórum de Governança do Polo Turístico Chapada das Mesas, Prefeitura de Balsas, empresas do trade e TV Mirante.


Chapada das Mesas - Novos roteiros turísticos estão surgindo no polo turístico Chapada das Mesas e já estão sendo incluídos nos pacotes oferecidos pelas agências de viagens e empresas de receptivo que atuam na região. Estes novos passeios e pacotes incluem atividades nas cidades de Balsas, Riachão e Fortaleza dos Nogueiras, que ao longo dos anos investiram em infraestrutura e capacitação para receber os visitantes, com apoio do Sebrae.

Para divulgar estas novas opções de roteiros turísticos, a região está sendo é o tema principal de uma série de reportagens, cujo o objetivo é promover a Chapada das Mesas como um dos principais destinos turísticos do estado. A ação foi batizada de Expedição Chapada das Mesas e foi realizada no último fim de semana de junho para captação de imagens e de entrevistas. A missão de exploração foi organizada em parceria pelo Fórum de Governança do Polo Turístico Chapada das Mesas, Prefeitura de Balsas, empresas do trade e TV Mirante, com o apoio do Sebrae no Maranhão.


Para o diretor superintendente do Sebrae no Maranhão, Albertino Leal, dar apoio ao desenvolvimento do turismo nesta e em outras regiões do estado está alinhado com o plano estratégico adotado pela instituição nos últimos anos.

“O turismo faz parte de um dos eixos estratégicos que o Sebrae trabalha no Maranhão e a Chapada das Mesas é um dos territórios em que trabalhamos com a orientação de fomentar e desenvolver pequenos negócios como uma forma de criar oportunidades de geração de emprego e renda e promover a melhoria da qualidade de vida dos maranhenses. E por isso apoiamos ações de promoção do destino turístico Chapada das Mesas como esta que foi executada”, afirmou Leal.

O Polo Turístico da Chapa das Mesas é composto por dez municípios, estendido territorialmente em grande parte pelo cerrado maranhense, e recebe milhares de turistas todos os anos, principalmente no período que vai de julho a outubro, e os operadores de turismo que atuam na região oferecem passeios e roteiros com as belezas naturais, opções de lazer, aventura e descontração com a maior variedade de produtos e serviços.

O empreendedor Franciscarlos Teixeira, que tem empreendimentos em alguns municípios do polo turístico e participou da expedição do final de semana as cidades de Balsas e Riachão, comentou que a localização e a infraestrutura oferecida são importantes para atender o turista.

“As duas cidades estão próximas aos principais atrativos do polo, com ótimos acessos, hotéis e pousadas, bares e restaurantes, churrascarias, assim como Balsas ainda oferece um diferencial, que é um leque de serviços de entretenimento durante a programação noturna”, frisou Teixeira.

Para o gerente da Unidade Regional do Sebrae em Balsas, André Veras, ações como essas despertam um novo olhar empresarial nas cidades que compreendem o polo. “A instituição faz parte desse processo de construção de produtos turísticos, bem como comercialização dos roteiros desde o início e sempre apoia iniciativas que promovam a região e os pequenos negócios que fazem parte dela”, destacou.

De acordo com o presidente do Fórum da Instância de Governança do Polo Chapada das Mesas, Beto Kelnner, a expedição para a execução de matérias jornalísticas faz parte de uma estratégia pensada para promover o polo como um todo, assim como pequenas comunidades que ficam dentro do Parque Nacional da Chapada das Mesas e capacitar as pessoas desses municípios para desenvolver atividades no setor, assim como o Sebrae capacitou tantos, que podemos ver inclusive agora no segmento do turismo de aventura.

“É preciso pensar que o polo é muito maior.  Existe um seque de atividades, serviços e produtos que podem ser explorados e produzidos na região. São inúmeras pessoas que podem ser beneficiadas ao desenvolver atividades que envolvem o turismo, desde a produção de queijo a plantação de hortaliças. O nosso trabalho é incentivar o potencial desse turismo que muito não sabe ainda que é turismo. O Sebrae tem acreditado muito no segmento e tem sido nosso principal parceiro”, destacou Kelnner.

Fonte: Agência Sebrae 

0 comentários:

Postar um comentário